É possível conhecer alguém nos dias de hoje?

 

gif tinder

Vivemos na era das redes socias.Hoje em dia tudo se resume a compartilhamentos,likes e visualizações.Em tempos de tinder e tantos outros aplicativos de relacionamento,fica difícil saber se realmente é possível conhecer alguém de verdade.Eu já passei pela experiência de tentar conhecer alguém num desses “cardápios humanos” e a sensação é bizarra. São muitas opções,rostos e gostos distintos uns dos outros,interesses e intenções que muitas vezes não condiziam de fato com o que eu esperava de um aplicativo de relacionamento. Aliás,a palavra relacionamento e o ato de nos relacionarmos com outras pessoas tem perdido o sentindo nos dias de hoje. É tudo muito superficial,nos mantemos de olhos vidrados na tela do celular analisando opções que precedem outras,sempre achamos que no próximo perfil encontraremos algo melhor e isso se torna um ciclo vicioso. É difícil conversar e conhecer profundamente alguém quando sabemos que somos só mais um nome na sua lista de contatos,pois essa pessoa certamente está falando com várias outras.Logo,fica praticamente impossível tentar conhecer uma pessoa que está tentando conhecer outras dez,a conversa não flui e não demora muito pra percebemos o quanto tudo isso só nos faz perder tempo e paciência. Nunca foi tão fácil e ao mesmo tempo tão difícil conhecer e se relacionar com alguém. A verdade é que com toda a facilidade que a tecnologia nos oferece,parece que até nos esquecemos de como é conhecer uma pessoa do jeito tradicional (cara a cara,olho no olho).Quem nunca teve curiosidade de saber como seus avós se conheceram? Certamente, na época deles se não fosse pessoalmente, não teria como conversar com ninguém,tampouco flertar.Eu acho tão bonito quando estamos andando na rua e de repente avistamos um casal de idosos que parecem eternos namorados… Eu imagino como eles se conheceram e fico criando várias teorias na minha cabeça como essa: Eles estavam numa festa da cidade,seus olhares se cruzaram e de um jeito fofo ela esboçou um sorriso tímido,enquanto ele contava todas as moedas que tinha no bolso pra comprar meia dúzia de rosas na mão do vendedor de flores da cidade,em seguida pediu gentilmente pra ele entregar na casa dela de manhã junto a uma carta feita a mão. Hoje em dia isso está fora de moda,romantismo é papo furado na “geração do desapego”. Será que bonito mesmo é passar o dia enviando solicitações de amizade pra pessoas que não vão acrescentar nada na nossa vida? Apesar de tudo,ainda acredito que é possível conhecer alguém como antigamente… Eu acredito um dia quando eu menos esperar,vou estar sentada no mesmo bar que costumo frequentar e de repente alguém vai aparecer, eu irei sorrir,ele irá sorrir de voltar e vai dar “match”. Simples assim, sem a gente nunca ter se curtido através do celular. É preciso voltar a sentir como antes.